A conexão avaliada em R$ 1 bilhão foi ativada no início de junho e irá entregar um tráfego de dados a uma velocidade de 100 Tbps.

Cabo que conecta América do Sul à Europa é ativado

A conexão avaliada em R$ 1 bilhão foi ativada no início de junho e irá entregar um tráfego de dados a uma velocidade de 100 Tbps. A troca de dados será realizada diretamente de Fortaleza, Brasil, a Sines, Portugal, sem a necessidade do uso de servidores americanos.

O cabo pertence à empresa EllaLink e possui 6,2 mil quilômetros de extensão, e a expansão dessa conexão já é prevista, na rota do Brasil a extensão será Rio de Janeiro, São Paulo, Guiana Francesa, Argentina e Chile. Já na extensão do lado europeu as previsões é interligar Lisboa (Portugal), Madri (Espanha) e Marselha (França).

A ativação desse cabo irá proporcionar alta velocidade e baixa latência melhorando a estabilidade de conexão a serviços como streaming e transações bancárias, além de gerar mais segurança, pois quanto menos os dados precisarem percorrer servidores externos, menor também é a probabilidade de ocorrerem vazamentos de dados.

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *