Fibra óptica é predominante em 11 estados

Fibra óptica é predominante em 11 estados do país

O crescimento das redes de fibra óptica tem chamado atenção nos últimos anos, atualmente marca presença em 79% dos municípios do país, sendo a principal tecnologia de transmissão de dados em 11 estados. Esses números são alcançados graças a presença dos provedores regionais que tem levado a tecnologia para além das grandes capitais.

De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações — Anatel, o primeiro estado com maior presença de conexões por fibra óptica é o Amapá com 83% dos FTTHs (conexões em casa) sendo atendidos por fibra, seguido por Roraima com 81% e pelo Piauí que atende a 69% dos domicílios com a tecnologia.   

Já em densidade, ou seja, em uma divisão de número de acessos a serviços de comunicação multimídia (sendo vídeo, áudio, imagem ou outros), pelo número total de domicílios, multiplicada por 100, quem fica em primeiro lugar é a região Sul do país que registra 58,58% de FTTHs (em 2020 chegou a 65,82%).

Esse salto nos números é um reflexo do uso de rede no último ano, com as questões de isolamento social, implementação de home office e aulas on-line a busca por internet cresceu, e novamente o destaque vai para os pequenos e médios provedores. Clique aqui e leia a matéria sobre o avanço dos ISPs na pandemia.

Confira a tabela da Anatel sobre as empresas com mais acessos a banda larga de janeiro a março de 2021:

Antel 2021 - Janeiro - Março

Voltando para a conexão, observe o número registrado pela Anatel, apenas em março de 2021, quanto a contratação de serviços de telecomunicações:

.Março 2021

Sempre é válido ressaltar que mesmo com a presença das conexões de fibra óptica em crescimento ainda existem muitas regiões do país que possuem uma única opção de conexão, os enlaces urbanos.

Você pode conferir esses dados no mapeamento nacional realizado pela Anatel, observe que há a divisão por estado, cidade e município, além disso veja quais são as empresas que oferecem esses serviços para a população. Baixe aqui

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *